Notícias

    Curiosidades sobre as transmissões dos Jogos Olímpicos do Rio 2016

    Share on facebook
    Share on twitter
    Share on linkedin
    Share on telegram
    Share on whatsapp
    Share on email
    Share on print

    De acordo com os dados do Kantar Twitter TV Ratings e da medição de audiência de TV da Kantar IBOPE Media, confira algumas curiosidades sobre as transmissões dos Jogos Olímpicos Rio 2016:

    Curiosidades do dia 21 de agosto:

    Na TV

    A cerimônia de encerramento dos Jogos Olímpicos 2016 foi assistida por mais de 24,2 milhões de indivíduos, em 15,7 milhões de domicílios, nas 15 regiões metropolitanas medidas pela Kantar IBOPE Media. A maior parte da audiência foi composta por pessoas da classe C, mulheres e faixa etária de 18 a 49 anos. Já a final do vôlei masculino entre Brasil e Itália, segunda maior audiência do último dia de Olimpíada, foi acompanhada por quase 18 milhões de pessoas em 12,5 milhões lares.

    No Twitter

    O voleibol foi a modalidade olímpica mais comentada no Twitter no Brasil durante o domingo (21), quando a seleção brasileira ganhou a medalha de ouro em disputa contra a Itália. O esporte respondeu por 20,8% dos comentários sobre Olimpíada e foi o acontecimento que mais repercutiu no domingo na rede. Ainda assim, Neymar foi o atleta mais mencionado no Twitter no Brasil no domingo, seguido pelo jogador de vôlei Wallace. O encerramento dos Jogos Rio2016 não passou em branco: a hashtag mais utilizada foi #cerimoniadeencerramento, seguida de #voleibol.

    Curiosidades do dia 20 de agosto:

    Na TV

    O jogo de futebol masculino entre Brasil e Alemanha, que rendeu a inédita medalha de ouro à seleção brasileira, alcançou a maior audiência da modalidade nesses Jogos Olímpicos. Mais de 26 milhões de pessoas, em 17 milhões de domicílios, acompanharam a disputa pela TV nas 15 regiões metropolitanas aferidas pela Kantar IBOPE Media. Para se ter uma ideia, a semifinal contra Honduras foi assistida por 17 milhões de indivíduos; o jogo contra a Colômbia pelas quartas de final teve a audiência de 20,4 milhões de pessoas; e a última partida da fase eliminatória, contra a Dinamarca, foi acompanhada por 21 milhões de indivíduos. A final do futebol foi transmitida por Bandeirantes, Band Sports, ESPN, FOX Sports, Globo, Record, Record News e SporTV.

    No Twitter

    A conquista da medalha de ouro no futebol masculino pela seleção brasileira também foi o grande destaque do Twitter no Brasil no sábado (20). A modalidade foi responsável por 30,5% dos comentários sobre Olimpíada no dia, e a hashtag #futebol foi a mais utilizada na rede. Neymar foi o atleta mais mencionado do dia, e o maior pico de conversas no Twitter no Brasil ocorreu no momento em que o jogador marcou o pênalti decisivo na disputa contra a Alemanha, garantindo a vitória ao Brasil. Os dados são do Kantar Twitter TV Ratings (KTTR).

    Curiosidades do dia 19 de agosto:

    Na TV

    A partida de vôlei masculino entre Brasil e Rússia foi a disputa olímpica de maior audiência na sexta-feira (19). Segundo dados da Kantar IBOPE Media, o jogo que levou o time brasileiro à final foi assistido por mais de 18 milhões de indivíduos em 12,5 domicílios. O dado é aferido pela empresa nas 15 principais regiões metropolitanas do Brasil. Além do vôlei masculino, foram destaque de audiência de Olimpíada na sexta-feira a disputa do bronze no futebol feminino entre Brasil e Canadá (15,9 milhões de indivíduos em 11,9 milhões de domicílios), a ginástica rítmica (8,2 milhões de pessoas em 6,5 milhões de lares) e a canoagem masculina (4,5 milhões de espectadores em 3,9 milhões de casas).

    No Twitter

    Destaque na TV, o voleibol também foi a modalidade olímpica mais comentada no Twitter no Brasil na sexta-feira (19), com 26% do total de Tweets sobre os Jogos Olímpicos do dia. #voleibol também foi a hashtag mais usada, e a vitória do Brasil na semifinal de vôlei masculino contra a Rússia foi o tema mais repercutido na rede no país. Já o atleta mais mencionado no Twitter no Brasil na sexta-feira foi Usain Bolt, com 10,2% das citações. A vitória da equipe jamaicana no revezamento 4x400m, com a conquista de mais uma medalha de ouro para Bolt, foi o segundo assunto mais comentado na rede ontem. Os dados são do Kantar IBOPE Twitter Ratings (KTTR).

    Curiosidades do dia 18 de agosto:

    Na TV

    O jogo e a conquista do ouro pelos brasileiros Alison e Bruno Schmidt, do vôlei de praia masculino, contra a Itália foi destaque entre as cincos modalidades mais assistidas pela TV, dos Jogos Olímpicos da quinta-feira (18). Mais de 9,5 milhões de pessoas, em 7 milhões de lares, acompanharam a partida. Além disso, 65,9% desta audiência tinha entre 4 e 49 anos.

    Já o ouro inédito do Brasil na vela feminina, com a dupla Martine Grael e Kahena Kunze, ficou em segundo lugar no top 5 de audiência dos jogos, da Kantar IBOPE Media. Cerca de 7 milhões de pessoas, em 5,5 milhões de domicílios acompanharam a vitória das brasileiras pela TV, sendo que a maioria dos telespectadores (51,9%) era composta pela classe C.

    Saltos ornamentais feminino (6,6 milhões de telespectadores), nado sincronizado (4 milhões de indivíduos) e atletismo masculino (3,8 milhões de pessoas) completam o ranking da quinta-feira. Os dados são da Kantar IBOPE Media e consideram todos os canais de televisão aberta e paga que transmitiram as competições nas 15 principais regiões metropolitanas do país.

    No Twitter

    O vôlei de praia foi a modalidade olímpica mais comentada no Twitter no Brasil na quinta-feira, 18/8, com 15,4% do total de menções sobre os Jogos Olímpicos. O pico de tuítes aconteceu às 00h46, quando a dupla Bruno e Alison conquistou a medalha de ouro para o Brasil contra a Itália. Já o atleta mais mencionado foi Usain Bolt, com 12,2% das menções, que alcançou o tricampeonato olímpico nos 200m. Os dados são do Kantar Twitter TV Ratings (KTTR).

    Curiosidades do dia 17 de agosto:

    Na TV

    A vitória do Brasil no vôlei de quadra masculino contra a Argentina, na noite de quarta (17), foi assistida por 18,4 milhões de indivíduos em mais de 12,5 milhões de lares das 15 principais regiões metropolitanas do país – 53% da audiência da partida foi composta por mulheres. Já o jogo de vôlei de praia entre Brasil e EUA foi acompanhado por mais de 18 milhões de pessoas em 12,6 milhões de domicílios brasileiros, e fez sucesso entre a população entre 25 e 49 anos (40% da audiência).

    A goleada da seleção brasileira sobre Honduras, na disputa pela vaga na final do futebol masculino, foi a terceira modalidade mais assistida na quarta-feira: mais de 17 milhões de pessoas em 12,5 milhões de lares. A partida teve a audiência mais equilibrada do dia: 50% masculina e 50% feminina.

    A Gala da Ginástica, exibição dos principais nomes da modalidade incluindo medalhistas olímpicos de diversas edições dos Jogos, impactou mais de 11,7 milhões de indivíduos em 9 milhões de domicílios, e foi o evento mais assistido pela classe C e por pessoas entre 4 e 24 anos. Finalizando o top 5 da audiência do dia 17, a partida de vôlei de praia feminino atingiu quase 11 milhões de telespectadores em 7,8 milhões de lares. Os dados são da Kantar IBOPE Media e consideram todos os canais de televisão aberta e paga que transmitiram as competições.

    No Twitter

    Já no Twitter, o destaque ficou por conta do futebol que acumulou quase 10% das menções relacionadas aos Jogos Olímpicos no dia. A vitória do Brasil sobre Honduras e a futura disputa pela medalha de ouro contra a Alemanha gerou euforia e expectativa entre os torcedores na rede social. No entanto, o atleta mais mencionado foi Usain Bolt (3,5%) – que se classificou para a semifinal dos 200m em 1º lugar. Neymar Jr, vem em segundo lugar, com 3% do total de tuites sobre a Olimpíada. Outro destaque foi que o pico de posts ocorreu às 00h11, no momento que a seleção brasileira de voleibol masculino garantiu a vaga na semifinal. Os dados são do Kantar Twitter TV Ratings (KTTR).

    Curiosidades do dia 16 de agosto:

    Na TV

    A eliminação da seleção brasileira de vôlei feminino em jogo contra a China, na terça-feira (16), foi a competição olímpica de maior audiência ontem, considerando os dados médios das 15 regiões metropolitanas medidas pela Kantar IBOPE Media. A partida foi assistida por quase 21 milhões de pessoas em cerca de 14 milhões de lares. Em segundo lugar ficou o jogo de futebol feminino contra a Suécia, que terminou com a derrota das brasileiras na disputa de pênaltis. Mais de 19 milhões de indivíduos em 13,5 milhões de domicílios acompanharam a partida pela TV. Entre os líderes olímpicos de audiência desta terça-feira também estão a luta de boxe, que rendeu uma medalha de ouro ao brasileiro Robson Conceição (16,5 milhões de pessoas e 12 milhões de lares), o vôlei de praia masculino contra a Holanda (13,5 milhões de indivíduos e 10 milhões de lares) e o vôlei de praia feminino contra a Alemanha (11,5 milhões de espectadores e 8,5 milhões de casas).

    No Twitter

    O boxeador brasileiro Robson Conceição, ganhador da medalha de ouro, foi o atleta mais tuitado no Brasil na terça-feira (16) entre as menções sobre Olimpíadas. Mas foi a derrota da seleção brasileira feminina de vôlei, no Maracanazinho, que mais repercutiu na rede social; a modalidade recebeu 21,4% das menções feitas ao Jogos Olímpicos e o pico de comentários ocorreu às 0h31 da quarta-feira, momento em que as brasileiras foram eliminadas pelas chinesas. As hashtags mais usadas foram #voleibol, #rio2016 e #bra. Os dados são do Kantar Twitter TV Ratings (KTTR).

    Curiosidades do dia 15 de agosto:

    Na TV

    A partida de vôlei de quadra masculino entre Brasil e França, na noite de segunda (15), foi assistida por 16 milhões de indivíduos em mais de 11 milhões de lares das 15 principais regiões metropolitanas do país. Já a conquista da medalha de ouro por Thiago Braz no salto com vara foi acompanhada por mais de 15,7 milhões de pessoas em 11 milhões de domicílios brasileiros. O jogo de handebol masculino entre Suécia x Brasil foi a terceira modalidade mais assistida na segunda-feira, atingindo mais de 14 milhões de pessoas em 10,5 milhões de casas.

    A ginástica ocupou o quarto e quinto lugares do ranking das modalidades mais vistas pela TV: a prata conquistada nas argolas por Arthur Zanetti foi assistida por mais de 12,4 milhões de pessoas, em mais de 9,5 milhões de lares; enquanto a disputa feminina na trave foi acompanhada por quase 10 milhões de pessoas, em 7,6 milhões de domicílios. Os dados são da Kantar IBOPE Media e consideram todos os canais de televisão aberta e paga que transmitiram a competição.

    No Twitter

    Já no Twitter, o destaque ficou por conta da conquista do ouro por Thiago Braz. O atleta foi mencionado em 9% do total de tuites sobre Olimpíada. O pico de tuites sobre a conquista ocorreu às 23h54 do Brasil, no momento que Thiago levou a medalha. A modalidade “salto com vara” teve 11,8% de participação no total de tuites sobre os Jogos Olímpicos na segunda-feira. Os dados são do Kantar Twitter TV Ratings (KTTR).

    Curiosidades do dia 14 de agosto:

    Na TV

    A vitória da seleção feminina de vôlei de quadra sobre a Rússia, na noite de domingo (14), foi assistida por 14,5 milhões de pessoas em mais de 10 milhões de lares das 15 principais regiões metropolitanas do país. Já a conquista da medalha de ouro por Usain Bolt foi acompanhada pela TV por 13,6 milhões de indivíduos, em quase 9,7 milhões de domicílios; a corrida teve tempo médio de audiência de seis minutos, considerada alta diante da duração da prova. A terceira competição olímpica mais assistida no domingo foi a final da ginástica artística masculina – foram 12,8 milhões de pessoas, em 9,1 milhões de lares.

    No Twitter

    A ginástica artística foi a modalidade olímpica mais comentada no Twitter no Brasil no domingo (14), com 26% do total de menções. A hashtag mais usada também foi #ginasticaartistica e o momento de pico no Twitter no Brasil ocorreu quando saiu o resultado da final da modalidade, com Diego Hypolito e Arthur Nory confirmados para o pódio. Já o atleta mais citado do domingo foi Usain Bolt, presente em 17,5% do total de Tweets no Brasil. Os dados são do Kantar Twitter TV Ratings (KTTR).

    Curiosidades do dia 13 de agosto:

    Na TV

    A partida de futebol masculino entre Brasil e Colômbia, exibida na noite de sábado (13), foi assistida por quase 21 milhões de pessoas. O handebol não tem ficado para trás no coração dos brasileiros, e o empate emocionante com os meninos egípcios também no sábado foi acompanhado por 13,4 milhões de pessoas, segundo dados da Kantar IBOPE Media.

    No Twitter

    No Twitter, a modalidade mais comentada do sábado no Brasil foi o futebol, com 16,8% das menções. O atleta mais citado foi Neymar (15,7% das menções), seguido de Michael Phelps (3,3%). As hashtags mais usadas do dia foram #rio2016 e #futebol, e o assunto de maior repercussão no Twitter no Brasil foi a vitória da seleção masculina de futebol sobre a Colômbia, com um pico de comentários quando um adversário fez uma falta grave contra Neymar e houve um princípio de tumulto em campo. Os dados são do Kantar Twitter TV Ratings (KTTR).

    Curiosidades do dia 12 de agosto:

    Na TV

    A conquista de mais uma medalha de bronze para o Brasil veio na tarde de sexta-feira (12), em uma luta de judô acirrada contra o Uzbequistão. A faixa horária de exibição da luta foi assistida por 7,8 milhões de brasileiros.
    Mudando de tatame para ringue, a luta de boxe do brasileiro Robson Conceição, também na sexta-feira, foi acompanhada por mais de 9,3 milhões de pessoas.
    Mas o destaque do dia foi para as meninas do futebol que, nos pênaltis, levaram a melhor sobre as australianas. A faixa horária em que a partida foi exibida foi assistida por mais de 22,8 milhões de indivíduos.

    No Twitter

    O futebol também foi a modalidade olímpica mais comentada no Twitter no Brasil na sexta-feira (12), com 17,1% do total das menções. A atleta mais citada na rede no país foi Bárbara Barbosa, goleira da seleção brasileira feminina de futebol, seguida da jogadora Marta e de Hope Solo, goleira da seleção feminina dos EUA, desclassificada após perder para a Suécia nos pênaltis. O maior pico de conversas ocorreu às 0h46, momento da vitória da seleção brasileira feminina de futebol contra a Austrália nos pênaltis defendidos pela goleira Bárbara. As hashtags mais usadas foram #rio2016 e #futebol. Os dados são do Kantar Twitter TV Ratings (KTTR).

    Curiosidades do dia 11 de agosto:

    Na TV

    A partida de vôlei de quadra masculino entre Brasil e EUA,  exibida em 11/8, registrou uma audiência relevante: 50% dos domicílios nas 15 regiões metropolitanas aferidas pela Kantar IBOPE Media foram impactados ao menos um minuto pela partida. A audiência média da transmissão, considerando todas as emissoras de TV que exibiram o jogo, ficou por volta dos cinco pontos. Mais de 17,5 milhões de pessoas assistiram à disputa.

    Já a final da ginástica olímpica feminina atingiu 11,4 milhões de domicílios nas regiões medidas, o que representa 44,5% do total do universo aferido. O tempo médio de audiência dedicada à transmissão foi de 29 minutos e seis segundos, com uma audiência de 6,6 pontos.

    No Twitter

    O voleibol foi a modalidade mais comentada no Twitter ao longo da quinta-feira (11), presente em 23,6% das menções sobre Olimpíada no Brasil – a hashtag mais usada foi #voleibol, com 16,4% do total de conversas. O atleta mais mencionado pelos brasileiros foi Michael Phelps (com 8,6% das menções), seguido por Mayra Aguiar (3,2%) e Jade Barbosa (3,2%). O maior pico de conversas ocorreu às 23h13, com a vitória do Michael Phelps nos 200 metros medley, prova que também contou com a participação do brasileiro Thiago Pereira. O perfil mais citado foi o do ginasta brasileiro @arthurnory. O período do dia que mais gerou Tweets foi o noturno (das 18h01 às 00h00), responsável por cerca de 44% das conversas sobre Olimpíada ao longo do dia no Brasil. Os dados são do Kantar Twitter TV Ratings (KTTR).

    Curiosidades do dia 10 de agosto:

    Na TV

    A audiência média da transmissão do jogo Brasil x Dinamarca de futebol masculino, nas emissoras Band, Globo e Record News, da TV aberta, e ESPN e SPORTV, da TV paga, foi de 7,95 pontos. No total, 14.217  milhões de domicílios acompanharam a terceira partida da seleção brasileira em busca do tão sonhado ouro olímpico.

    A Grande Belém foi a praça que registrou a maior audiência da transmissão da goleada de 4×0, entre os canais de TV aberta, com 16 pontos, e a de menor audiência foi a região metropolitana de Curitiba, com 9 pontos. Durante a exibição do jogo, 51% dos telespectadores eram homens e 49% mulheres. Já a faixa etária era composta, em sua maioria, por adultos de 35 a 49 anos e 51% do público que assistiu à transmissão pertence à classe C.

    No Twitter

    Durante a transmissão do jogo de futebol masculino entre Brasil e Dinamarca, das 22h às 23h51, as menções sobre as Olimpíadas geraram quase 35MM de impressões no Twitter.

    Porém, o esporte que ganhou destaque na rede foi o “Voleibol” – uma parte do jogo da seleção brasileira feminina de vôlei contra Japão foi transmitida simultaneamente ao futebol e ocupou 22,4% das conversas. Para referência, a palavra “futebol” representou 15%.

    As duas modalidades agradaram ao público na noite de ontem: 21% das menções que citavam “futebol” foi positivo contra apenas 4% negativo. Já as mensagens que citavam “vôlei” carregou 24% de sentimento positivo contra apenas 2% negativo.

    Uma curiosidade: Michael Phelps foi o atleta mais comentado, seguido do Neymar. Houve uma competição de natação que ocorreu simultaneamente aos dois jogos.

    Curiosidades do dia 05 de agosto:

    Na TV

    A cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos Rio 2016 foi assistida por 28 milhões de indivíduos – que representam 41% do total de pessoas aferidas pela empresa nas 15 principais regiões metropolitanas do país. Considerando apenas a audiência domiciliar, este percentual chegou a 74% das casas medidas pela Kantar IBOPE Media.

    O estudo também apontou que, de quem assistiu a abertura das Olimpíadas pela televisão, 38% eram das classes AB, 48% da classe C e 14 % da DE. Sendo que, 43% eram homens e 57% mulheres. Além disso, 66% eram adultos de 35 anos +.

    O evento, que foi exibido nas emissoras abertas Globo, Band, Record e Record News e nas emissoras de TV paga, SporTV, ESPN, BANDSPORTS e SPORTV 4, alcançou uma audiência média de 5,6 pontos no PNT Completo, que considera as emissoras da TV aberta e da TV por assinatura, nas 15 praças aferidas pela Kantar IBOPE Media. Em números absolutos, o evento foi assistido por 17.812 milhões de domicílios.

    A audiência da transmissão da abertura da Rio 2016 foi superior à exibição que marcou o início das Olimpíadas de Londres, em 2012, que registrou 2,0 pontos de audiência.

    Grande Belém foi a praça que registrou a  maior audiência da transmissão da abertura com 13,1 pontos, entre os canais de TV aberta, já a de menor audiência foi a Região Metropolitana de Fortaleza, com 8,5 pontos médios.

    No Twitter

    A transmissão, ao vivo, da cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos provocou:

    • 152.126 tweets de 395K autores no Brasil
    • Gerou 360.9M de impressões
    • A hashtag “#cerimoniadeabertura” esteve presente em 65% das menções sobre os jogos.
    • 27% das menções foram positivas, contra apenas 3% negativas.
    • Para demostrar a admiração, a palavra mais usada foi ‘LINDO’.

    Os top 5 das emoções evidentes em tweets sobre a cerimônia no Brasil foram:

    1. Admiração
    2. Alegria
    3. Expectativa
    4. Risada
    5. Crítica

    Os picos mais altos de tweets durante a transmissão do evento na TV no Brasil foram:

    1. Formação de anéis olímpicos e fogos de artifício.
    2. Fim da cerimônia, fogos de artifício e imagens aéreas.
    3. Acendimento da chama olímpica.

    ')}

    teste

    Compliance

    A Kantar IBOPE Media disponibiliza um canal de comunicação direto para aqueles que buscam informações ou orientação a respeito do Código de Conduta, políticas e procedimentos da empresa ou que desejam informar uma situação de risco ou potencial não conformidade com as políticas da empresa, regulamentos ou valores.

    O Compliance está disponível para todos os colaboradores, fornecedores, clientes e comunidade com a garantia do anonimato, sigilo e sem qualquer tipo de retaliação.

    Verificação de denúncias

    A partir da denúncia de suspeita de não conformidade, a área de Integridade Corporativa efetuará as investigações necessárias, identificando inicialmente se as alegações são verídicas ou não. Caso seja apurada alguma violação, a Kantar IBOPE Media tomará as medidas apropriadas para corrigir a não conformidade.

    Para falar com o Compliance entre em contato pelo e-mail compliancebrasil@kantar.com ou acesse o Right To Speak: https://secure.ethicspoint.eu/domain/media/pt/gui/106217/index.html

    teste

    Privacidade

    Você está fazendo a solicitação em nome de terceiro sob a sua responsabilidade (ex: menor de idade)?*
    Qual a melhor forma de entrarmos em contato com você para confirmar sua solicitação ou esclarecer qualquer dúvida?*
    Qual foi a forma da realização da pesquisa?*
    Qual foi o tema da pesquisa?*

    * Ao enviar esta solicitação você concorda com os termos e política de privacidade do site.

    Sua solicitação foi enviada com sucesso.

    teste

    Entrevistados

    Todo mês, realizamos milhares de entrevistas no País para compor os painéis de audiência de TV, responder às pesquisas de consumo dos meios e fomentar outros estudos.

    Em todos os casos, a confidencialidade do entrevistado é garantida por lei. As informações coletadas são utilizadas apenas em análises coletivas, nas quais os dados pessoais ou opiniões individuais dos participantes nunca são repassados ou divulgados em nenhuma hipótese.

    As nossas entrevistas são realizadas face a face, por telefone ou via online. Caso seja abordado por um dos nossos entrevistadores e deseje confirmar a veracidade da pesquisa, disponibilizamos uma lista de contatos de acordo com as áreas dos nossos estudos:

    Entrevistas sobre hábitos de consumo de mídia e produtos
    ou Levantamento Socioeconômico:
    0800 770 0999
    Entrevista face a face ou por telefone para pesquisa de consumo
    de rádio, jornal e outros meios
    0800 771 7713
    Recrutamento para painel de audiência de TV
    08000 111 830
    teste

    Orçamento de Produtos

    Para que possamos melhor atendê-lo, solicitamos que nos forneça algumas informações sobre você, sua empresa e as suas necessidades, através do preenchimento do formulário abaixo.

    Já contratou serviços de pesquisa alguma vez?*

    * Ao enviar esta solicitação você concorda com os termos e política de privacidade do site.

    Sua solicitação foi enviada com sucesso.

    teste

    Imprensa

    Para obter mais informações sobre a atuação e soluções da Kantar IBOPE Media e solicitar inclusão em nosso mailing de imprensa, utilize os contatos abaixo:

    AD Comunicação e Marketing Assessoria de Imprensa da Kantar IBOPE Media e IBOPE Repucom

    T +55 (11) 3042-6442

    Comunicação institucional Kantar IBOPE Media

    Cookie Consent with Real Cookie Banner